Novo site Entendendo a Esquizofrenia.

Amigos leitores, é com muito orgulho que apresento a vocês o novo site Entendendo a Esquizofrenia!

Depois de quase três meses de trabalho intensivo, conseguimos modernizar e inovar o portal da esquizofrenia. Além de seu conteúdo habitual, com notícias, artigos e informações sobre a doença, acrescentamos um espaço para depoimentos de pacientes e familiares e para dicas culturais e de lazer.

Mas o que nos deixa mais empolgado é a comunidade virtual que construímos dentro do site. Inspirado nas redes sociais, criamos um espaço de total interatividade, onde pacientes, familiares e amigos podem postar seus comentários, fazer amizades, responder às dúvidas de outras pessoas, criar grupos de discussões, enfim, formar uma grande rede de solidariedade que tenho certeza será útil a muitas famílias e pacientes.

Convido os leitores do blog a entrar no site e na comunidade e a participarem!

Novo webSite
Comunidade Virual

Postagens relacionadas:



Autor: Dr. Leonardo Palmeira

Psiquiatra pela faculdade de medicina da UFRJ com especialização e pós-graduação em Psiquiatria pelo Instituto Philippe Pinel, Rio de Janeiro. Membro Titular da Associação Brasileira de Psiquiatria e Membro da Sociedade Internacional de Pesquisa em Esquizofrenia (Schizophrenia International Research Society) desde 2005. Autor do livro "Entendendo a Esquizofrenia.

Compartilhar →

21 Comentários

  1. >bom o site mas como sempre nao tem nada de novo nao fala sobre espctativas de cura nao fala de novas pesquisa nao vejo nada que possa dar mais esperanças e so mais um site qualquer ..

    Post a Reply
  2. >É uma pena que ache isso… ou não explorou bem o site. Ele traz depoimentos de pessoas que se recuperaram, traz mensagens de esperança, fala da importância da família, traz notícias de pesquisas,medicamentos novos, tem uma comunidade virtual para as pessoas se comunicarem, enfim, pode ser que realmente faltem coisas, não há nada perfeito, mas dizer que não traz esperança ou nada de novo, é no mínimo desconhecer o que existe na internet sobre isso ou sequer ir além da primeira página do site. Agora no que se refere à cura, não é o site que vai encontrá-la, mas certamente seremos um dos primeiros a noticiar caso a ciência faça esta descoberta. Um abraço!

    Post a Reply
  3. >Prezado Dr. Leonardo, parabéns pelo site e blog.

    Seria possível avaliar o resultado desta RM da minha avó? O médico está de recesso e estamos apreensivos…

    Minha sogra está com dificuldades motoras (anda devagar, dificuldade de levantar ou sentar na cadeira, etc…), raciocínio devagar, alguns delírios, algumas fobias.

    Resultados da RM de cranio:

    TÉCNICA:
    Exame realizado em aparelho de 1.5 Tesla de campo fechado através de aquisições multiplanares nas seqüências habituais, antes e após a injeção intravenosa do contraste paramagnético.

    COMENTÁRIOS:
    Redução da espessura dos giros corticais cerebrais difusamente, de maneira mais evidente nas regiões temporais e frontobasais.

    Múltiplos focos de hipersinal em T2 e FLAIR na substância branca subcortical e profunda dos hemisférios cerebrais, coalescendo junto as margens dos ventrículos laterais, e na ponte e nos núcleos denteados cerebelares, que não apresentam aspecto expansivo, restrição á difusão das moléculas de água ou impregnação anômala pelo contraste paramagnético.

    Sistema ventricular de dimensões habituais.

    Corpo caloso íntegro.

    Pequenos nódulos de hipossinal em T2* situados nas junções córtico medulares dos hemisférios cerebrais, em maior número na região parietal direita.

    Transição craniocervical anatômica.

    Forte abraço!
    Alexandre

    Post a Reply
  4. Em primeiro lugar, parabéns pelo site. Tenho esquizofrenia paranoide a cerca de dez anos, e atualmente parei de tomar os antipsicóticos, pois não me dei bem com nenhum deles, Vou levando a vida com uma cartela de diazepan no bolso, acho que o que tenho agora é esquizofrenia residual, pois não tenho surtos, só a mania de perseguição que me atrapalha e muito. Gostaria de saber sua opinião sobre o medicamento mais moderno para esse caso, que tenha poucos efeitos colaterais, pois cansei de experimentar medicamentos e ficar completamente dopado e sem disposição para viver a vida. Desde já grato pela atenção.

    Post a Reply
    • Julio, existem antipsicoticos de segunda geração que costumam ser mais bem tolerados. Você pode encontrar mais informações em nosso portal sobre a esquizofrenia, entendendoaesquizofrenia.com.br. O tratamento com antipsicoticos pode ajudá-lo a ter melhor controle dos sintomas persecutórios e assim ter melhor qualidade de vida. Boa sorte e um abraço!

      Post a Reply
  5. Em uma matéria em seu blog, uma matéria afirma que a esquizofrenia não é genética. Mas como explicar os inúmeros casos de esquizofrênicos que tem parentes próximos com o mesmo transtorno, quando geralmente não são os próprios pais? Tenho esquizofrenia e grande parte dos amigos que tenho e que são portadores tem parentes próximos com esquizofrenia. Minha mãe, por exemplo,tinha esquizofrenia. Qual a sua opinião sobre isso? Tenho um blog sobre esquizofrenia, depois se puder, dê uma olhadinha por lá.
    http://memoriasdeumesquizofrenico.blogspot.com.br/

    Post a Reply
    • Júlio, não sei a qual matéria está se referindo, o que posso ter escrito é que fatores genéticos não são por si só determinantes, pois existe a necessidade de fatores ambientais que predisponham a pessoa ao risco de adoecimento. Como se fatores ambientais “ativassem” genes para a esquizofrenia, que na ausência deles permaneceriam “adormecidos”. Mas claro que a doença tem um componente genético importante, você tem razão. Para maiores informações convido você a acessar nosso site sobre esquizofrenia – entendendoaesquizofrenia.com.br. Um abraço!

      Post a Reply
  6. Ola doutor adorei seu site obrigado por se comprometer com esta doença pois so quem tem sabe o que passa com ela. Dr tenho esquizofrenia paranoide f20 e depressao pos esquizofrenica f20.4 tenho muitos pensamentos negativos,me isolo total,nao tenho amigos,nao tenho vontade de fazer nada mesmo,tenho vontade de so ficar na cama deitado ou dormindo,as vezes vendo tv.nao tenho iniciativa,nao cuido muito de mim da minha higiene,continuo tendo paranoia e mania de perseguiçao muitos desses sintomas negativos veio apos os surtos que eu tive.tomo risperidona,fluxetina e rivotril.dr queria saber se minha doença evoluiu para esquizofrenia residual ou para outro cid que nao conheço.por favor me ajude pois tenho vontade de procurar um psiquiatra para me tratar.

    Post a Reply
  7. continue postando mais coisas sobre a doença. esta me ajudando muito, meus parabens.

    Post a Reply
  8. Bom dia sou estudante de enfermagem , estarei defendendo um trabalho de esquizofrenia e ao ver sua entrevista fiquei muito interessada sobre o assunto mais ainda. quero muito que o senhor me informe mais dos sinais e sintomas da esquizofrenia.
    dês de já agradeço a sua compreensão.

    Post a Reply
    • Eliete, visite nosso portal entendendoaesquizofrenia.com.br, lá você encontra todas as informações sobre a esquizofrenia. Recomendo também nosso livro. Um abraço!

      Post a Reply
  9. NÃo consegui adicionar no blog. Olá dr. adorei seus posts.tenho 33 anos e sofro de compulsão por compras ..preciso de ajuda e tenho muita vergonha disso. ..qual medicamento posso usar? eu ja tive depressão agora não mais….Me ajuda….

    Post a Reply
    • Cristiane, você precisa ter uma consulta com um psiquiatra para que ele possa fazer um diagnóstico e recomendar um tratamento adequado para o seu caso. Um abraço!

      Post a Reply
  10. Dr. por favor me ajude, meu pai tem realizado exames constantes à 3 anos por conta de tonturas e desequilíbrios, marcha, e só agora pediram uma angio tomografia do qual apareceu 3 diagnosticos: Glicose por microangiopatia, acentuação dos sulcos corticais e Hidrocefalia de Pressão Normal. Gostaria de saber quem é que trata a Glicose por microangiopatia, pois o neurologista encaminhou meu pai para um vascular , isso procede?

    Post a Reply
    • Rosemere, na realidade o que precisa ser tratado é a hidrocefalia de pressão normal e quem trata é neurologista/neurocirurgião. Os demais achados são crônicos e o tratamento deve ser prevenir a progressão, isso pode ser também tratado pelo neurologista. Um abraço e boa sorte!

      Post a Reply
  11. Gostaria de saber afinal qdo o Drº vai vir atender em Sao Paulo? Drº leonardo minha filha encontra se internada na Clinica Maia nao melhora em nada ao contarrio so piora toma cerca de 50 comprimidos dia e só piora esta la internada ou abandonada pelos cuidadores e medicos por ser uma paciente refrataria e de dificil temperamento, ja faz tres anos que esta nessa clinica e que acho um horror é pequena mas de estruturas precarias e de pessoas fechadas ao novo O diretor é drº Isidoro de otima alma mas de antigas formas de tratar la nao se pode le livros so a biblia nao se ouve musicas nem as estrumentais, classicas etc e nem tem reunioes de oraçoes as terapias sao precarias e ao lado da clinica tem uma fabrica de cimento que ninguem consegue tirar e nem isolar! ja tentei ajuda de muitas pessoas porem nao consigo só sou eu e minha filha! Por favor se o Drº poder ajudar!! Esse é acho que a vigesima carta que escrevo para o srº minha filha tem 34 anos e desde os 15 vive em clinicas sem poder voltar pra casa pq nunca sai da crise nos ajude Drº Leonardo ou se conhece alguem nos indica! Eu estou ficando velha e tenho receio do que pode vir a deixa la sozinha! Eles falam que ela nao aceita medicação entao pq continuam a da tantas a ela cada dois meses mudam ja chegaram a da varias doses de litio ao dia o que fez ela se entortar e se tremer o que nunca mais parou hoje quase nao consegue segurar nada nas maos e eu ja tive ate vontade de fazer bobagens comigo e com ela so nao fiz pq sou catolica e fiquei com receio de nao fazer direito. Por isso mais uma vez eu nao me canso de implorar por ajuda! Obrigada Ana Goes ( mae)

    Post a Reply
  12. Dr Leonardo, parabéns pelo site muito interessante e informativo. Eu tenho esquizpfrenia hebefrenica, tomo medicamento e vivo como se nao tivesse doença alguma. Minha principal reclamação é sobre perda de cognição. fiz consultas com o neuropsicologo deu baixo na memória operacional. Meu médico me passou SOCIAN, disse que esse remédio ajuda na melhora da memória operacional, facilitando nos estudos, gostaria de saber se esse remédio realmente ajuda na perda de cognição? se sim, quais os efeitos desse remedio na neuropsicologia?

    Obrigada.

    Post a Reply
    • Denise, existem evidências de que antipsicóticos de segunda geração podem melhorar a cognição, principalmente a memória verbal e a memória operacional, também conhecida como executiva. A questão é que a amisulprida é considerada por uns (p.ex. escola norte-americana) de primeira geração, por outros (escola européia), de segunda. Não conheço nenhum estudo sobre cognição com amisulprida. Um abraço!

      Post a Reply
      • dr Leonardo, em relação a amissulorida existe algum estudo q a indique para sintomas negativos é no tratamento da bipolaridade?

        Post a Reply
        • Miguel, sim, existem estudos da amissulprida nos sintomas negativos da esquizofrenia com potenciais benefícios na redução destes. No transtorno bipolar existem estudos da associação com estabilizadores de humor, também com resultados satisfatórios.

          Post a Reply

Enviar Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Receba as postagens por eMail

Receba as postagens por eMail

Insira o seu Email abaixo para receber as postagens, notícias e comunicados do Web Site do Dr. Leonardo Palmeira.

Sua inscrição foi realizada!!

Área do Paciente – Dr. Leonardo Palmeira

Entrar







Perdeu a senha?