Short-cuts: Maconha aumenta o risco de psicose.

Um estudo de meta-análise, que avaliou diferentes pesquisas sobre o tema, sugere que o uso de maconha (cannabis) na adolescência está associado a um aumento de 40% do risco de desenvolver psicose na fase adulta. A maconha provoca experiências psicóticas e afetivas transitórias e leves, mas o efeito a longo prazo permanece em questionamento.

Os autores reviram 7 estudos que demonstraram que a ocorrência de psicose (com a esquizofrenia sendo a forma mais grave) foi maior em pessoas que usaram maconha do que naquelas que nunca fizeram uso da droga. Foi encontrado uma relação dose-efeito, ou seja, naqueles que usaram cannabis com maior frequência o risco foi maior.

Entretanto, apesar dessa associação, ainda é precipitado estabelecer uma relação de causa e efeito e não é possível afirmar categoricamente que a maconha cause psicose. Os estudiosos alertam para o risco de pessoas suscetíveis a transtornos mentais graves, como a esquizofrenia, adoecerem após iniciarem o uso da droga, o que poderia não ocorrer se elas a evitassem.

O risco é maior nos adolescentes que usam a maconha e que apresentam alterações de comportamento, do humor ou sintomas psicóticos leves, servindo de alerta para futuro adoecimento. Da mesma forma, a história de psicose e transtornos afetivos na família deve servir de aviso para que medidas terapêuticas sejam adotadas precocemente.

Esses estudos deveriam servir de alerta para as autoridades governamentais que lidam com o assunto para elaboração de políticas públicas de prevenção do uso da droga, bem como a pessoas e organizações da sociedade que fazem apologia à maconha ou que defendem sua descriminalização.

Postagens relacionadas:



Autor: Dr. Leonardo Palmeira

Psiquiatra pela faculdade de medicina da UFRJ com especialização e pós-graduação em Psiquiatria pelo Instituto Philippe Pinel, Rio de Janeiro. Membro Titular da Associação Brasileira de Psiquiatria e Membro da Sociedade Internacional de Pesquisa em Esquizofrenia (Schizophrenia International Research Society) desde 2005. Autor do livro "Entendendo a Esquizofrenia.

Compartilhar →

Enviar Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Receba as postagens por eMail

Receba as postagens por eMail

Insira o seu Email abaixo para receber as postagens, notícias e comunicados do Web Site do Dr. Leonardo Palmeira.

Sua inscrição foi realizada!!

Área do Paciente – Dr. Leonardo Palmeira

Entrar







Perdeu a senha?